Temperatura em 45 graus e incêndios florestais colocam Portugal em atenção máxima pelos próximos dias

Portugal está em estado de atenção máxima pelos próximos dois dias, depois que o país, em virtude das temperaturas altíssimas e da extrema seca, viu várias áreas incendiarem nas últimas horas. Principalmente, as que estão em zonas rurais.

O decreto presidencial vale até sexta-feira (15), mas as próximas 48 horas serão cruciais por causa da forte tensão em torno de novos incêndios florestais.

A temperatura em Portugal está beirando os 45 graus e a defesa civil já se mobiliza para evitar que se repita o mesmo que em 2017, quando incêndios de proporções catastróficas matou 66 pessoas, feriu outras 254 e causou perdas econômicas de 500 milhões de euros ao país.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários