Depois de declarar voto em Lula em troca de legalização das drogas, Anitta desautoriza o PT a usar imagem dela

A funkeira Anitta usou as redes sociais, neste sábado (16), para afirmar que a legenda de esquerda, Partido dos Trabalhadores (PT), não pode usar a imagem dela em campanhas políticas para as eleições deste ano.

A postagem da artista chamou a atenção na web, já que, dias antes, Anitta tinha declarado voto no ex-presidiário Lula (PT) em troca da legalização das drogas.

- Atenção candidatos do PT, atenção partido PT. Eu NÃO SOU uma apoiadora do PT e NÃO SOU petista. Não autorizo o uso da minha imagem para promover este partido e seus candidatos. Minha escolha nessas eleições foi de trazer engajamento e mídia para a pessoa que tem maior chances de vencer voldemort nessas eleições - despistou a moça.
- Depois de muitas pesquisas a conclusão é de que essa pessoa é o Lula. E o que vou fazer daqui em diante é usar minhas plataformas no que eu puder ajudar para trazer mais visibilidade a ele com a propósito de não termos novamente voldemort na Presidência. Que isso fique bem claro! - afirmou, mantendo o voto no condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários