Auxílio Brasil de R$ 600 começa a ser pago em agosto

Com a PEC dos Benefícios aprovado pelo Congresso Nacional, a partir de agosto, as famílias carentes que participam do Programa Auxílio Brasil receberão o benefício complementar de R$ 200, elevando para R$ 600 o valor até dezembro deste ano.

Além de garantir o valor adicional para o Auxílio Brasil, a portaria descreve o cálculo do valor de outro benefício: o vale-gás, que corresponderá “a um valor complementar na ordem de 50% da média do preço nacional de referência do botijão de 13 quilogramas de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), estabelecido pelo Sistema de Levantamento de Preços (SLP) da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), nos seis meses anteriores”, segundo o que prevê a Portaria nº 797, publicada pelo Ministério da Cidadania, no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (20).

A portaria, no entanto, estabelece um “adicional extraordinário” de igual valor. 

- Com isso, o Auxílio-Gás, pago a cada dois meses, terá o valor de 100% de um botijão de gás para o público beneficiário e será repassado nos meses de agosto, outubro e dezembro - informou o Ministério da Cidadania.

A PEC das Bondades, como ficou conhecida, foi elaborada pelo Governo Bolsonaro e também prevê um benefício aos taxistas e auxílio de R$ 1 mil para os caminhoneiros, como forma de compensação pelos sucessivos reajustes nos preços dos combustíveis.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários