Oposição pede ao STF que proíba convocação das polícias militares

Partidos de oposição como o PSB, PV, Solidariedade, PCdoB, PSOL e Rede ingressaram com pedido junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira (3), solicitando que a Corte Máxima do país impeça o Governo Federal ou mesmo as Forças Armadas de convocar policiais militares para manter a ordem em território nacional.

As legendas de esquerda alegam que alguns policiais têm adotado um discurso "golpista"; o que os impediria de trabalhar em prol da sociedade.

- Grupos isolados de policiais vêm adotando discurso de cunho notadamente golpista e inconstitucional no sentido de rechaçar a subordinação constitucional das políticas militares aos governadores - argumentam.
- Reitera-se trecho da malfada nota publicada pela AMEBRASIL — recentemente compartilhada pelo Presidente da República —, que referiu-se a uma inconcebível ‘ruptura institucional’ para afirmar que as ‘polícias militares serão automaticamente convocadas pela força terrestre federal para atuarem nesse contexto como força auxiliar e reserva do Exército’, hipótese que encontraria suposto fundamento justamente no Decreto-Lei n. 667/1969 - acrescentam.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários