Bolsonaro comenta utilização de linguagem neutra na Argentina: "Pobreze e desempregue"

O presidente Jair Bolsonaro (PL) debochou, nesta quarta-feira (3), das notícias que correm o mundo sobre a oficialização da linguegem neutra na Argentina.

Em comentário nas redes sociais, o conservador declarou:

- Lamento a oficialização do uso da "linguagem neutra" pela Argentina. No que isso ajuda o seu povo? A única mudança provocada é que agora há "desabastecimente", "pobreze" e "desempregue". Que Deus proteja os nossos irmãos argentinos e os ajude a sair dessa difícil situação - escreveu na web.

O governo de Alberto Fernández com Cristina Kirchner vai começar a adotar a linguagem neutra em documentos oficiais do país a partir deste mês.

A decisão foi muito criticada na internet porque a gestão socialista da Argentina sofre com problemas graves para resolver como: altos níveis de desemprego, endividamento extremo do governo, fuga do capital estrangeiro e desabastecimento de produtos básicos e combustível.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários