Eduardo Leite assume orientação sexual e ganha apoio na internet

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), participou do programa “Conversa com Bial”, desta quinta-feira (1), e falou, pela primeira vez, publicamente, sobre a sua orientação sexual; assumindo-se gay.

- Eu nunca falei sobre um assunto que eu quero trazer pra ti no programa, que tem a ver com a minha vida privada e que não era um assunto até aqui porque se deveria debater mais o que a gente pode fazer na política, e não exatamente o que a gente é ou deixa de ser - explica.

E completou:

- Nesse Brasil com pouca integridade, a gente precisa debater o que se é -

E disparou:

- Eu sou gay. E sou um governador gay, e não um gay governador, tanto quanto Obama nos Estados Unidos não foi um negro presidente, foi um presidente negro. E tenho orgulho disso -
- Não tenho nada a esconder. Apenas achava que minha orientação sexual era uma questão privada, mas com a exposição nacional, a partir do momento em que assumi a pré-candidatura a presidente, entendi que era importante falar, até para calar as pessoas que fazem insinuações maldosas e piadas desrespeitosas. Vergonha eu teria se tivesse que explicar corrupção, mensalão ou qualquer crime -

No Twitter, ele agradeceu o apoio de milhares de internautas.

- As inúmeras mensagens de carinho e apoio que estou recebendo me deixam absolutamente seguro: o amor vai vencer o ódio! - escreveu nas redes sociais.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários