VÍDEO: Restaurante expulsa cliente de rodízio por “comer demais”

Sabe aquelas ofertas de rodízio que dizem: "coma à vontade por R$ 19,90"? Pois é. Um pintor paulista chamado João Carlos foi às redes sociais, nesta semana, para denunciar que foi expulso de um restaurante por “comer demais”.

O trabalhador disse que estava em uma filial da rede Regazzo, em São Paulo, aproveitando a promoção que o restaurante divulgava, quando foi “convidado” a se retirar do estabelecimento.

- Olha aí o resultado de me deixar comer a vontade, ó! João foi expulso do rodízio - escreveu ele no Instagram.

Os funcionários do restaurante ficaram incomodados por João ter consumido, nada menos, que 15 pratos de massa. “Chocados”, os colaboradores pediram que ele se retirasse do local.

- Pare de comer e se retire. O consumo fica por conta da casa! - disseram ao cliente.

Magoado com o ocorrido, o pintor foi às redes sociais denunciar o caso.

- Isso aí não se faz não. Tô pagando - lamentou.

Na internet, a polêmica cresceu e a repercussão negativa do caso foi tão grande que obrigou o restaurante a se desculpar com João Carlos. Um dia após o episódio, o restaurante pediu que ele voltasse ao local, mas, desta vez, com passe livre, para comer realmente à vontade. Foi o que ele fez e comeu 35 porções de massa.

Em novo post no Instagram, ele compartilhou o “final feliz” e os pratos vazios atrás dele.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários