VÍDEO: Bolsonaro afirma que vai vetar o fundão

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que vetará trecho da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), aprovada rapidamente pelo Congresso Nacional enquanto ele esteve hospitalizado, semana passada.

A parte do texto que Bolsonaro discorda diz respeito ao aumento do Fundo Eleitoral de R$ 2 bilhões para R$ 5,7 bilhões.

- Vou vetar o fundão, tá? - adiantou aos apoiadores na frente do Palácio da Alvorada, nesta terça-feira (20).

A LDO estabelece o reajuste da verba a qual os partidos têm direito para financiar campanhas.

Bolsonaro reclamou dos ataques que parlamentares da base aliada vêm sofrendo desde que o Orçamento foi aprovado e disse que a aprovação, da forma como foi elaborada, não foi acatada por esses congressistas.

- Eu precisava da aprovação da LDO, Lei de Diretrizes Orçamentárias, e os parlamentares que votaram favorável foram rotulados como se tivessem votando essa majoração do fundão, coisa que não é verdade - explicou.

Os governistas não apoiaram a iniciativa do Novo de destacar a proposta do Fundo Eleitoral, para que fosse votada separadamente.

Assista:

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários