Por que DJ Ivis ganhou 250 mil seguidores após vídeos de agressão à esposa virem à tona?

O que acontece com a sociedade? Quais são os critérios que os internautas utilizam para seguir um ídolo ou artista?

Nos últimos dias, o DJ Ivis ganhou mais de 250 mil seguidores no Instagram. Em dois dias, ele saltou de 724 mil fãs para 983 mil, um acréscimo de 259 mil followers. Mas, pasmem: a busca pelo artista cresceu, drasticamente, após a ex-esposa dele, Pamella Holanda, divulgar, no domingo (11), nas redes sociais, vídeos de Ivis a agredindo.

Nas gravações feitas por câmeras de segurança do apartamento em que o casal morava, é possível ver, claramente, que o artista agride a mulher com golpes na cabeça enquanto cuida da filha recém-nascida. São chutes, socos e puxões de cabelo. A mãe de Pamella também é vista, tentando proteger filha e neta. E, em outro momento, um funcionário do artista também presencia a violência, mas não faz nada.

Após as agressões, Pamella divulgou imagens de como ficou o próprio rosto e registrou um boletim de ocorrência no começo de junho, relatando ter sido vítima de violência doméstica. O Ministério Público do Ceará agiu rapidamente e, no dia seguinte ao registro, solicitou medida protetiva para ela e para a filha, de nove meses.

Nas redes sociais, Pamella ainda falou que já havia sofrido violência doméstica ainda na gravidez.

- Por mim e por você, minha filha, que sentia junto comigo, antes de nascer, a angústia e o medo. Estamos salvas - escreveu a arquiteta.

O paraibano de 29 anos segue preso, desde o dia 14 deste mês, na Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz (CE). Recentemente, ele aparece em fotos nas redes sociais com os cabelos raspados.

Ivis não tem data pra sair da prisão, já que o Poder Judiciário negou pedido de habeas corpus pro cantor e produtor musical.

Enquanto a Justiça penaliza Ivis pela postura com a ex-mulher; na internet, inexplicavelmente, o DJ continua ganhando adeptos. Mas, não é possível identificar por que os seguidores têm feito questão de prestigiar o músico.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários