Ítalo Ferreira conquista primeiro ouro para o Brasil e diz: “Obrigado, meu Deus. Glória a Ti”

O brasileiro do Rio Grande do Norte, Ítalo Potiguar, conseguiu vencer o japonês Kanoa Igarashi nas revoltas águas asiáticas que não conhecia bem.

Logo no início da prova, Ítalo não demonstrava ao público que venceria o japonês. Na primeira onda que ele pegou, a prancha quebrou e ele teve que até a areia para recomeçar. Aquele acidente parecia mostrar que Ítalo não passaria pelo experiente Igarashi.

Tudo mudou, quando o potiguar voltou ao mar. Mais animado do que nunca, Ítalo garantiu para si boas manobras e trouxe o primeiro ouro da história do surfe em Olimpíadas. O primeiro do Brasil em Tóquio.

Ítalo se superou. Veio focado, agressivo, mesmo com a ameaça de um tufão em Tóquio. E, apesar das dores na perna esquerda, o surfista brasileiro disparou na frente de Igarashi e não se importou nem com a multidão que torcia pelo concorrente.

- Eu vim com uma frase para o Japão: diz amém que o ouro vem. Eu treinei muito nos últimos meses, mas só tenho que agradecer a Deus por tudo isso. Meu intuito é ajudar as pessoas e as famílias. Eu queria que a minha avó estivesse viva para ver isso. Sou muito feliz pelo que me tornei, pelo que fiz pelos meus pais. Sempre pedi para que esse sonho fosse realizado e ele aconteceu – comemorou o atleta.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários