Hélder Barbalho e mais oito governadores se unem a Biden para driblar Bolsonaro em questões sobre a Amazônia

Após a Cúpula do Clima organizada e realizada, virtualmente, pelo Governo dos Estados Unidos, o presidente norte-americano, Joe Biden, escolheu um emissário para se reunir, diretamente, com os governadores da Amazônia Legal e discutir supostos projetos de preservação do bioma, sem a interferência do Governo Federal.

O escalado para a tarefa foi Jake Sullivan, conselheiro de Segurança Nacional. E a reunião – quem diria – está agendada para esta quinta-feira (5), em Brasília.

O governo de Jair Bolsonaro não deve ter representante na reunião, segundo relataram interlocutores à reportagem da Folha de S.Paulo.

Os nove governadores da Amazônia Legal, que fazem parte do tal “consórcio”, foram convidados para a tal reunião: Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Na pauta de discussões, o desmatamento na Amazônia e mecanismos de financiamento internacional de projetos de proteção do bioma. Além disso, a Gestão de Biden quer ouvir dos governadores como é a relação com o atual presidente do Brasil.

Sullivan ocupa cargo estratégico no Governo de Biden e o chefe de Washington em temas de segurança nacional. A suposta luta contra mudanças climáticas é um tema sempre em foco para o americano.

Além dos governadores, Sullivan pretende falar com Bolsonaro em particular. Mas, sobre outro assunto: o futuro do 5G no Brasil.

No comunicado enviado pela Embaixada dos EUA, não foi informado se Sullivan terá alguma reunião sobre ambiente com uma autoridade do Governo Federal.

Na sexta-feira (30), John Kerry, outra autoridade para o clima, já havia conversado com outro grupo de governadores. A maioria deles adversários de Bolsonaro.

Estiveram na reunião Reinaldo Azambuja (PSDB-MS), Renato Casagrande (PSB-ES), Eduardo Leite (PSDB-RS), João Doria (PSDB-SP), Flávio Dino (PSB-MA), Wellington Dias (PT-PI) e Helder Barbalho (MDB-PA).

A Amazônia Legal é uma das regiões mais cobiçadas do planeta. Rica em minérios preciosos, nióbio, ouro, prata, alumínio, manganês, bauxita, entre outros. Possui ainda a maior reserva de água doce do mundo, fauna e flora em abundância.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários