Após Bolsonaro denunciar insegurança das urnas eletrônicas, Barroso diz que “invasão não teve impacto sobre o resultado das eleições"

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e também presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luis Roberto Barroso, alegou que a Polícia Federal "nunca comunicou qualquer elemento indicativo de fraude" à instituição.

- A invasão investigada não teve qualquer impacto sobre o resultado das eleições - justificou.

Barroso divulgou nota à imprensa para rebater as informações de um inquérito aberto pela PF em 2018 para apurar invasão ao sistema da Justiça Eleitoral. O caso foi denunciado pelo presidente Jair Bolsonaro e o relator da PEC do voto impresso, Filipe Barros, em entrevista à Joven Pan, nesta quarta-feira (4).

Com relatório do próprio TSE em mãos, Filipe leu trechos do documento, informando que o Tribunal sabia e admitia a fragilidade do sistema eleitoral brasileiro.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários