Plataforma CNPq já foi restabelecida, após “apagão”

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico informou que todos os sistemas da plataforma Lattes, que administra todos os currículos Lattes do Brasil, foram restabelecidos.

Com a atualização do sistema, pesquisadores e novos usuários poderão acessar os currículos sem dificuldades.

Os sistemas do órgão estavam paralisados desde o dia 23 de julho, quando a plataforma, que é muito utilizada para a distribuição de bolsas de pesquisa e de recursos, de repente, “bugou”.

Na terça-feira (3), os currículos voltaram a ficar liberados para consulta, parcialmente. O presidente do CNPq, Evaldo Vilela, disse que o problema ocorreu em virtude de um equipamento antigo, quando a instituição tentava migrar os dados para outro armazenamento novo, adquirido no final de 2020.

Vilela esclareceu que um dos antigos equipamentos onde os dados estavam armazenados “apagou” do nada, mas foi recuperado com todo o conteúdo dentro.

A plataforma Lattes reúne quatro sistemas onde cientistas, professores e pesquisadores do Brasil registram os currículos para concorrer a bolsas de pesquisa, vagas em universidades e participarem de editais e concursos.

O pagamento das bolsas não será afetado.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários