Em meio a denúncias de assédio sexual, governador de Nova York renuncia ao cargo

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, renunciou, nesta terça-feira (10), ao cargo de chefe do Executivo estadual. A decisão vem após uma investigação da promotoria do estado que o acusa de assediar, sexualmente, várias mulheres.

A vice-governadora do estado Kathy Hochul assumirá o cargo.

A investigação apontou que o democrata assediou sexualmente atuais e ex-funcionárias do estado, bem como várias mulheres fora do governo.

Em coletiva de imprensa, Cuomo negou as acusações, mas mesmo assim, pediu desculpas a mulheres que "ofendeu".

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários