Bolsonaro assina MP que libera venda direta do etanol e preço do combustível deve baixar

O presidente Jair Bolsonaro assinou, nesta quarta-feira (11), Medida Provisória, autorizando a venda do etanol direto das usinas para os postos de combustível. A cerimônia contou com a participação de representantes do setor produtivo, do ministro da Economia, Paulo Guedes, e o de Minas e Energia, Bento Albuquerque.

Com a autorização do presidente, a venda direta do etanol, sem passar pelas distribuidoras, é uma forma de reduzir o preço do combustível; já que, antes, um posto associado a um distribuidor só poderia comercializar o combustível desse único fornecedor.

A MP tem força de lei, mas ainda precisa ser analisada pelo Congresso Nacional em um prazo máximo de 120 dias para não caducar.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários