Casal de Novo Hamburgo vira réu por vingar estupro do filho

Um mero acidente na RS-122, na divisa entre São Vendelino e Farroupilha, na Serra Gaúcha, acabou com os planos de um casal de “fazer justiça com as próprias mãos” contra o estuprador do filho deles.

O carro em que transportavam o abusador do filho se envolveu em um acidente, em junho deste ano, e a polícia encontrou o homem preso dentro do porta-malas do veículo. Os polciais apuraram que se tratava de um sequestro motivado por desavenças familiares. Todos os envolvidos no caso eram parentes.

O casal de Novo Hamburgo estava em um automóvel Renault Logan. Eles contaram aos policiais que prenderam o homem no porta-malas para se vingar do estupro do filho, de 7 anos. Eles foram até Farroupilha e, mediante ameaça, o obrigaram a entrar no porta-malas. Uma testemunha presenciou a ação e chamou a Brigada Militar.

Os pais da criança disseram que queriam levar o suspeito até Novo Hamburgo, mas não chegaram ao destino final porque acabaram colidindo com a traseira de um caminhão-baú, próximo à “Curva da Morte”, momento em que a polícia chegou até eles.

O casal está sendo processado e vai virar réu pelo fato, sendo denunciado pelo sequestro do suposto abusador.

Ministério Público e a Brigada Militar não informaram se o homem será investigado por estupro de vulnerável.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários