Internautas culpam Doria por morte de Tarcísio Meira e governador diz que “vacinas funcionam”

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), vem sendo, duramente, criticado, nas redes sociais, pela ineficácia da vacina CoronaVac contra Covid-19 da qual o tucano fez ampla propaganda de eficiência.

Após o anúncio da morte do ator da Rede Globo, Tarcísio Meira, 85, os seguidores passaram a questionar Doria se a vacina chinesa era, realmente, eficaz, como ele afirmava em público. O ator foi diagnosticado com Covid-19 na semana passada, estava imunizado com a CoronaVac, mas faleceu, nesta quinta-feira (12), em decorrência do coronavírus. A esposa de Meira, Glória Menezes, continua internada com a doença. Ambos foram vacinados.

A vacina produzida pelo Instituto Butantan e vinculada ao governo paulista. Ao ser anunciada, tinha apenas pouco mais de 50% de eficácia, na época.

Doria rebateu as críticas e disse que quem o recriminava eram os “admiradores da morte”.

- Os admiradores da morte podem fazer barulho, mas a arte, a vida e a ciência são insuperáveis - afirmou, desejando melhoras à viúva.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários