Joice provavelmente não foi agredida: “Caiu da própria altura por uso de medicamentos”, conclui polícia

A Polícia Civil do Distrito Federal concluiu, nesta sexta-feira (13), que a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) caiu “da própria altura” em virtude dos remédios que toma para dormir. Em 18 de julho, ela disse que acordou com marcas de sangue no chão do apartamento funcional onde mora, em Brasília. Ela tinha várias fraturas no rosto, hematomas no corpo e uma costela quebrada, mas não se lembrava o que tinha ocorrido.

- A Polícia Civil do Distrito Federal, por intermédio da 2ª Delegacia de Polícia (Asa Norte), concluiu as investigações do caso da Deputada Joice Hasselman no sentido de 'queda da própria altura', possivelmente decorrente dos efeitos de remédio para dormir - explicou a PC.
- No caso, não se evidenciou quaisquer elementos que apontassem para a prática de violência doméstica ou atentado/agressão por parte de terceiros - acrescentou a nota.

A deputada procurou a imprensa uma semana depois que havia sofrido o “espancamento”, no dia 25 de julho, e disse que desconfiava de bolsonaristas e, talvez, um deputado federal. Mas, ela não quis informar quem era. O marido era a única pessoa que estava com ela no apartamento, mas disse não ter ouvido nada. Eles dormiam em quartos separados.

O advogado da deputada, Antônio Carlos de Almeida Castro, “Kakay”, disse que "confia no trabalho técnico da Polícia Civil de Brasília" e "acata a decisão técnica do IML (Instituto de Medicina Legal)".

A Polícia Civil e a Polícia Legislativa trabalharam no caso e ambas afirmaram que não houve invasão ao apartamento de Joice.

Em nota, a parlamentar disse que “reitera confiança no trabalho da polícia”, mas que, mesmo assim, “reforçou a segurança no apartamento por conta da vulnerabilidade dos imóveis funcionais”. Além disso, encaminhou pedido para o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), pedindo a instalação de novas câmeras no local.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários