Filho do nadador Gustavo Borges supera o tempo do pai

Luiz Gustavo Borges, de 22 anos, venceu a prova dos 50 metros no Troféu José Finkel, no sábado (14). Mas, por critérios da CBDA, não irá para o Mundial

O talento do rapaz para a piscina não é novidade. Em 2017, ele nadou a prova de 50 jardas em 19s43, superando o melhor tempo do pai na distância (19s68), na CSCAA All-American, uma espécie de seletiva universitária realizada nos Estados Unidos, onde, Luiz Gustavo estuda e treina.

O título do José Finkel é muito importante para provas internacionais, porque a Federação Internacional de Natação (FINA) só reconhece as provas em piscinas medidas em metros.

Embora já esteja se credenciando para ingressar na seleção brasileira de natação, Luiz Gustavo só não foi convocado para o Mundial de piscina curta de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, porque Confederação Brasileira de Esportes Aquáticos (CBEA) levou em conta o tempo do Mundial de 2018, do qual ele não participou.

- Primeira vez Campeão Brasileiro Absoluto! Sou o quarto nadador Brasileiro mais rápido de todos os tempos, atrás de três nadadores olímpicos. GRATIDÃO - escreveu em post no Instagram.

Luiz Gustavo já superou o tempo do pai em diversas modalidades: nos 50m livre, conseguiu 22seg21, contra 22seg62. Nos 100m, quase supera o pai. Ele fez 49s23, o pai 49seg02. Nos 200m, Gustavo Borges ainda mantém melhor marca, com 1min48seg02 contra 1min53seg39 do filho.

Já nos 50m em piscina curta, Luiz Gustavo é o quarto melhor nadador. Está atrás apenas de Cesar Cielo (20seg51); Nicholas Santos (20seg74) e Bruno Fratus (20seg98).

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários