Ministro das Comunicações diz que regulamentação da mídia é “retrocesso”

O ministro das Comunicações do Governo Bolsonaro, Fábio Faria, rebateu os comentários de Lula sobre a regulamentação da comunicação no Brasil.

O Partido dos Trabalhadores (PT) publicou, nas redes sociais, uma declaração de Lula, que está em visita pelo Nordeste, afirmando que “é preciso atualizar a regulamentação da comunicação nesse país”.

- É preciso atualizar a regulamentação do sistema de comunicação do país. O dono do jornal tem o direito de ter um editorial, mas na informação ele não pode ‘ideologizar’. A informação é o que aconteceu e vamos ter que discutir isso - disse, adiantando o que pretende fazer, caso seja eleito em 2022.

Fábio Faria não perdeu a oportunidade e rebateu a fala do petista.

- O PT tem falado reiteradamente sobre a regulação da mídia e, ontem mesmo, voltou a repetir. Estamos em 2021 e temos que lutar pela liberdade de expressão e da imprensa, como defende o Governo Jair Bolsonaro. Não queremos retrocesso - escreveu no Twitter.

O deputado federal Flávio Bolsonaro disse que o PT quer “calar todas as vozes contrárias”.

- (...) Querem executar seu projeto de poder, sua sociedade perfeita e isso passa por calar todas as vozes contrárias - explicou.

A oposição no Brasil acredita que o atual presidente Jair Bolsonaro só ganhou as eleições de 2018, porque muitos jornalistas independentes, comentaristas políticos, autoridades, personalidades e o povo em geral se manifestou e compartilhou muitas informações na internet. A “onda Bolsonaro”, como ficou conhecida, fez a diferença na disputa daquele ano.

Siga o Jornal O Republicano nas redes sociais:

Facebook: O Republicano | Facebook

Twitter: @_ORepublicano

Instagram: @_ORepublicano

Mostrar comentários